Pres. Zezinho ajuda NASA a descobrir estranha forma de vida

A dra. Rodrigues, importante cientista portuguesa, foi fundamental para a pesquisa sobre a estranha forma de vida.

O Mais Preparado dos Brasileiros, o futuro presidente Zezinho, mais uma vez impressionou o mundo.

O Presidente de Nascença, sempre generoso, auxiliou cientistas da NASA a descobrir uma nova e estranha forma de vida.

Segundo Sergio Chapelin, os cientistas da NASA pesquisavam estranhas formas de vida e solicitaram a colaboração do Maior dos Filhos da Mooca.

Sempre colaborativo com os irmãos do Norte, o Maior dos Brasileiros doou amostras de  material genético, em operação secreta coordenada pela CIA (Caracu Inteligency Agency) e  executada pela cantora Madonna, que coletou o material genético em encontro no Palácio dos Bandeirantes.

Descoberta terrível

A cantora Madonna teve dificuldade para encontrar o material genético, mas o pres. Zezinho (direita) colaborou.

Os pequisadores descobriram um ser capaz de sobreviver mesmo nas condições mais adversas. O DNA desse ser tem aspectos incomuns.  Até a descoberta, os seres vivos, tais como os conhecemos, combinavam apenas os elementos químicos carbono (C), hidrogênio (H), nitrogênio (N), oxigênio (O), fósforo (P) e enxofre (S).

Esta estranha forma de vida apresenta um teor elevadíssimo de enxofre. Ao invés de fósforo, substância responsável pelo bom funcionamento da memória e do cérebro, apresenta alto teor de arsênio (do latim arsenium, grego άρσενιχό), também arsênico. Trata-se de  um elemento químico de símbolo As, com número atômico 33  e com massa atômica 75 u.

O arsênio é  uma substância considerada extremamente venenosa, especialmente em sua forma alotrópica conhecida como arsênio amarelo azulado (forma alotrópica γ45).

Segundo a cientista Felisa Wolfe-Simon, que liderou as pesquisas, o novo ser descoberto substituiu as ligações fosfodiéster, baseadas no fósforo, por ligações arsenicosérricas, baseadas no arsênio amarelo azulado. Isto causa profundas transformações  em sua atividade metabólica. O resultado é um novo padrão de atividade cerebral até então desconhecido.

De acordo com a pesquisadora, o cérebro dessa estranha forma de vida funciona com base no venenoso arsênio, o que leva seu cérebro a produzir veneno todo o tempo e lançá-lo no ambiente, o que gera profundos danos. Curiosamente, o ser recém-descoberto parece imune ao próprio veneno.

Estranha forma de vida: O cozinheiro da Caverna do Ostracismo também participou da pesquisa, mas os resultados foram inconclusivos.


Ao descobrir o venenoso ser, os cientistas da NASA, em princípio, desesperaram-se. Nunca haviam visto nada assim, e temeram que sua contaminação estragasse tudo.

Parece que a estranha forma de vida descoberta não é tão rara quanto se pensava.

Felizmente, essa estranha forma de vida, apesar de resistente, não é tão difícil de ser combatida. Ainda que não haja certeza absoluta, parece que perde a força com o tempo e já não oferece mais o mesmo perigo de antes.

Os cientistas, no entanto, preferem não facilitar. Já mandaram construir um abrigo subterrâneo lacrado na Caverna do Ostracismo, onde pretendem depositar o venenoso ser por toda a eternidade.

Comentário da tia Carmela

QUADRILHA: UDN organizou uma bela festa junina para comemorar a descoberta.

O Zezinho sempre gostou de veneno. Quando ele era criança, lá na Mooca, ele sempre pedia pra mãe deixar ele usar a bomba de flit pra matar as baratas e pernilongos. Uma vez, apareceu um rato no quintal da casa, e ele logo pediu pra mãe pra deixar ele ir na venda comprar veneno chumbinho para fazer uma armadilha pro ratinho. Ele também gostava de brincar de veneno com os moleques. Uma vez, ele comprou dois cruzeiros de bala Juquinha e começou a distribuir para os moleques da turma dele. Quando todo mundo terminou de chupar as balas, o Zezinho disse que as balas estavam envenenadas.  A molecada não levou a sério, mas o Reinaldinho Cabeção começou a chorar e gritar que ia morrer. O Zezinho rolava no chão de rir…

Anúncios

4 Responses to Pres. Zezinho ajuda NASA a descobrir estranha forma de vida

  1. Padre Quevedo disse:

    MIASMENTO SOBRINHO DE TIA CARMELA (todos sabem que a matéria que mais produz substâncias mal cheirosas é a química)

    Saudações pela vossa sapiência em matéria tão inóspita! Vejo que és mestre e aprendeste bem a lição, quando menino, dada por Frei Esclerosato de Pantomina, professor de Química do colégio Marista da Mooca!

    Não sabia que a mistura do elemento composto “amarelado opaco”, não denominado, com “azul de metileno” resultava nesse ser híbrido da famímia TUCANAE IANQUESUBMISSUS”. Obrigado pela informação!

    Relembrando minhas aulas de Química, as quais, devido ao lapso de tempo já esqueci quase tudo, gostaria de saber se o querido sobrinho poderia me informar a fórmula e número mol da molécula/elemento composto químico:

    CUPRETO DE ÍNDIO?

    Saudações!

  2. Kid Prado disse:

    Oi tia
    Duas perguntinhas
    1. Por que o Caetano dublou a Tetê Spíndola nesta música? Ele não sabe a letra, não?
    2. O Reinaldinho Cabeção já era paranóico quando menino?

    • Tia Carmela disse:

      1. Minha tia Carmela não acompanha muito a cena musical da Caverna do Ostracismo.

      2. Quando mostrei essa pergunta sobre o Reinaldinho Cabeção, minha tia Carmela disse, apenas: “Ih! Esse aí é cada coisa, desde pequeno… Essa devoção ao Zezinho acabou com os miolos desse menino!”

  3. […] This post was mentioned on Twitter by Tia_Carmela, Tia_Carmela. Tia_Carmela said: Tia Carmela: Pres. Zezinho ajuda NASA a descobrir estranha forma de vida http://migre.me/2Hrw4 #byebyeserra […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: